A graduação no Karate-Do




http://allnippo.comli.com/xhtml/artesmarciais/japonesas/karate/karate%202.jpg

As artes marciais provenientes do Japão e Okinawa apresentam uma variedade de títulos e classes de graduações. O sistema atual de graduação de faixas coloridas é o mais aceito; Antes disso, muitos métodos distintos eram usados para marcar os vários níveis dos praticantes. Alguns sistemas, recorriam a três tipos de certificados para seus membros:

1-SHODAN: significando que se havia adquirido o status de principiante.

2-TIUDAN: significava a obtenção de um nível médio de prática. Isso significava que o indivíduo estava seriamente comprometido com sua aprendizagem, escola e mestre.

3-JODAN: A graduação mais alta.
Significava o ingresso no OKUDEN (escola, sistema e tradição secreta das artes marciais).

Se o indivíduo permanecia dez anos ou mais junto ao seu mestre, demonstrando interesse e dedicação, recebia o Menkio, a licença que permitia ensinar.
Essa licença podia ter diferentes denominações como: Sensei, Shiran, Hanshi, Renshi, Kyoshi, dependendo de cada sistema em particular.
A licença definitiva que podia legar e outorgar acima do Menkio, era o certificado Kaiden, além de habilitado a ensinar, implicava que a pessoa havia completado integralmente o aprendizado do sistema.
O sistema atual que rege a maioria das artes marciais usando Kyu (classe) e Dan (grau), foi criado por Jigoro Kano, o fundador do Judô Kodokan.
Kano era um educador e conhecia as pessoas, sabendo que são muitos os que necessitam de estímulos imediatamente depois de haver começado a praticar artes marciais. A ansiedade desse tipo de praticante não pode ser saciada por objetivos a longo prazo.
No Karate Shotokan, as faixas e cores são as seguintes:

Faixa Branca 7º Kyu (Iniciante)
Faixa Amarela6º Kyu
Faixa Vermelha 5º Kyu
Faixa Laranja4º Kyu
Faixa Verde3º Kyu
Faixa Roxa 2º Kyu
Faixa Marrom1º Kyu
Faixa Preta1º DAN
Fonte


Comente: