Técnicas e regras para o lançamento de dardo




http://e.imguol.com/esporte/pan/2011/10/28/musa-paraguaia-leryn-franco-realiza-lancamento-na-prova-do-dardo-durante-o-pan-de-guadalajara-ela-foi-a-13-colocada-apenas-27102011-1319768064534_1920x1080.jpg

O dardo tem o formato de lança, feito de metal, com fibra de vidro ou de fibra de carbono.

Embora pareça fácil no primeiro olhar, não é. Claro, que não é algo que não pode ser dominado. O Lançamento do Dardo divide-se em quatro fases: preparação, corrida de balanço, lançamento e recuperação. Por sua vez a corrida de balanço pode-se subdividir em corrida frontal e corrida lateral.

 Imagem
O lançamento do dardo é composto por algumas fases:

PREPARAÇÃO, EMPUNHADURA OU PEGA


A pega deve ser confortável e descontraída, colocando o dardo na mão na diagonal, com a alma da mão virada para cima e pegando no dardo com o polegar e o indicador ou com o polegar e o dedo médio, pois são as pegas mais usuais. Na fase de preparação, o atleta deve dirigir-se para o corredor de lançamento e executar a empunhadura no engenho.
CORRIDA DE BALANÇO: Esta fase é dividida em sub-fases:

- Corrida frontal - Na primeira fase da corrida de balanço o atleta coloca-se de frente para o sector de queda e inicia uma corrida com ritmo lento, com o dardo sensivelmente Paralelo ao solo ou ligeiramente inclinado à frente. Quando no final da corrida frontal o dardo é colocado atrás se inicia a corrida lateral.

- Corrida lateral - No inicio da corrida lateral o pé esquerdo avança e inicia-se o "ritmo dos 5 apoios". O braço que transporta o dardo é estendido para trás ficando à altura do ombro ou ligeiramente acima, com a ponta do dardo ao lado do olho direito. O braço e o ombro esquerdos devem estar à frente do corpo virados no sentido do lançamento para equilibrar o atleta e possibilitar, posteriormente, uma maior torção abdominal. A velocidade da corrida deve ser aumentada até o passo de impulso (3º apoio), sendo esta a base de um ritmo de lançamento correto. Num "ritmo de cinco apoios" o terceiro passo da corrida lateral (passo de impulso) é mais intenso e agressivo que os outros, devendo ser rasante, com perda mínima de velocidade e procurando que os pés avancem em relação ao dardo. No fim desta fase o atleta passa pela posição de força dando início ao lançamento.

LANÇAMENTO

Ao passar pela posição de força o atleta deve avançar o quadril e o peito na direção do lançamento e manter o braço lançador estendido até ao último momento. A colocação do pé esquerdo no solo deve ser ativa e sólida para promover uma boa ação bloqueadora. Ao executar as ações anteriores o atleta atinge uma posição crucial, designada por posição de arco (ou arco-tenso).

RECUPERAÇÃO

Após o dardo lhe sair das mãos o atleta tenta travar antes da linha final, para evitar lançamentos nulos. Esta ação, dependendo da velocidade de execução, pode levar entre uma e três passadas, razão pela qual os atletas devem evitar lançar próximo da linha final.


Regras Básicas do lançamento do dardo
  • O atleta tem de empunhar o dardo pelo encordoamento.
  • O dardo tem de ser lançado por cima do ombro.
  • Os estilos não ortodoxos são interditos (por exemplo, em rotação).
  • No lançamento do dardo cada atleta tem três tentativas, após as quais os oito atletas com melhores marcas têm direito a mais três ensaios pela ordem inversa da classificação. Vence a prova o atleta que obtiver o melhor resultado em qualquer uma das seis tentativas. Em caso de empate, desempata o segundo melhor resultado e assim sucessivamente.
  • O ensaio é nulo se o atleta tocar nos limites da pista durante o lançamento.
  • O ensaio é nulo se o dardo cair fora do setor de queda.
  • O ensaio é nulo se o dardo não tocar primeiro no solo pela ponta metálica.
  • O ensaio é nulo se o atleta abandonar o corredor antes do dardo cair no solo.
  • Se depois de o atleta lançar, o primeiro contacto com o exterior da pista de balanço for feito após a linha branca marcada de cada lado do corredor o ensaio será considerado nulos.
Prevenção de Lesões no lançamento do dardo
Para evitar lesões as instruções aos atletas devem ser:
  • Mão à altura do ombro ou ligeiramente acima durante a corrida lateral.
  • Rotação interna da mão e cotovelo, voltar a palma da mão para cima.
  • Cotovelo para a face (para cima) na fase do lançamento.
  • Passar a mão visivelmente acima da cabeça no ato de lançar.
  • Os atletas devem fazer um bom aquecimento geral e específico.
  • Não começar a lançar com muita intensidade no início da sessão de treino.
  • As botas de dardo (calçado específico) são também necessárias, principalmente na aprendizagem da corrida de balanço e do bloco e ainda para estabilizar o pé.
  • Os principiantes podem ser iniciados sem sapatos de dardo, mas assim que começam a ter corrida de balanço e a ganhar velocidade de deslocamento os sapatos são fundamentais para se conseguir executar corretamente a técnica e prevenir lesões.


Comente: